sexta-feira, junho 11, 2004

Para ir passando o tempo...

Erva @ sexta-feira, junho 11, 2004

Revoltas de Sexta de manhã... porque devia (apetecia-me!, é mais esta palavra) estar a fazer ponte e não estou...

A universidade está deserta. Vim para aqui às 9 da manhã para lançar umas notas com um outro professor, que até agora ainda não apareceu. Será que ele se esqueceu e decidiu fazer ponte? O que é que eu estou aqui a fazer? Ai que vida a minha... Que bem me sabia ainda estar na caminha, já que praia nem pensar... só nuvens e mais nuvens...

Tenho aqui mesmo ao meu lado livros e mais livros, e artigos e mais artigos para ler, mas não me apetece. Apetece-me é que sua excelência apareça depressa que eu quero é ir embora...

Erva @ sexta-feira, junho 11, 2004

Alguém me explica por que razão é que sempre que eu tenho disponibilidade para ir para a praia o Sol teima em não aparecer?

Ontem, apesar da praia estar cheia de gente, eu fui incapaz de me esticar na areia. Estava frio, e das poucas vezes em que o Sol apareceu também apareceu o vento, de modo que nem pensar em fazer praia. Eu gosto de dias quentes, se possível tórridos, e por aqui parece que estamos no início do Outono. :(

E hoje o dia amanheceu ainda pior que ontem... Também é verdade que de manhã não podia ir para a praia, mas à tarde já posso... mas parece-me que o Sol fez ponte... :(

Erva @ sexta-feira, junho 11, 2004

quarta-feira, junho 09, 2004

Adeus

Como se houvesse uma tempestade
escurecendo os teus cabelos,
ou, se preferes, minha boca nos teus olhos
carregada de flor e dos teus dedos;

como se houvesse uma criança cega
aos tropeções dentro de ti,
eu falei em neve - e tu calavas
a voz onde contigo me perdi.

Como se a noite se viesse e te levasse,
eu era só fome o que sentia;
Digo-te adeus, como se não voltasse
ao país onde teu corpo principia.

Como se houvesse nuvens sobre nuvens
e sobre as nuvens mar perfeito,
ou, se preferes, a tua boca clara
singrando largamente no meu peito.

Eugénio de Andrade

Erva @ quarta-feira, junho 09, 2004

terça-feira, junho 08, 2004



Porque há coisas que não mudam...

Erva @ terça-feira, junho 08, 2004

Uma piada religiosa, vá lá saber-se porquê!...

Erva @ terça-feira, junho 08, 2004

segunda-feira, junho 07, 2004

Já encontrei este teste em vários blogs, e não resisti!

Devo admitir que gostei do resultado: um mestre em todos os sentidos!! Já desconfiava!! E também já desconfiava que o resultado seria este quando seleccionei uma opção que dizia qualquer coisa do género "Como é que os outros me hão-de entender se eu própria não me compreendo?"





Faça você também Que
gênio-louco é você?
Uma criação de O Mundo Insano da Abyssinia


Erva @ segunda-feira, junho 07, 2004

Novas do Padre

O padre andou mais calmo durante dois ou três dias, mas agora voltou à perseguição cerrada via telemóvel: telefona várias vezes ao dia, manda mensagens de manhã, à tarde e à noite... E não é só às 8 ou 9 da noite: receber mensagens à 1 da manhã já se tornou habitual, mas também já tive direito a receber uma às 4...

Como já estou a ficar um bocadinho farta desta atitude, no mínimo estranha, resolvi agir.

Antes de vos explicar o que vou fazer, tenho que dizer que cheguei a uma conclusão: ele acha que eu não sei que ele é padre!! E a verdade é que se sei, foi por um mero acaso. Ele nunca tocou no assunto, apesar de eu já ter provocado situações na esperança de que o enviado do Senhor se revelasse! Mas nada...

Pois bem, tenho dois amigos que também são amigos dele, e, portanto, sabem, obviamente, que ele é padre. Assim, e uma vez que ele continua a ser cada dia mais insistente no "irmos tomar um café", eu vou ceder. Vamos tomar café, mas os nossos amigos comuns também vão!! Por acaso, claro!! A ver vamos como é que o sr. padre descalça esta bota!

Erva @ segunda-feira, junho 07, 2004

Uma amiga (olá Angélica!!) acabou de me enviar este mail. Como achei engraçado, decidi partilhar (tb porque não tenho tempo para mais!!)

Diferenças entre o Bom, o Mau e o Lixado

O Bom: Decides não ter mais filhos
O Mau: Não encontras as pílulas
O Lixado: É a tua filha que as tem

O Bom: O teu filho encontra-se sempre a estudar no quarto
O Mau: Encontras vários filmes pornos no quarto
O Lixado: Tu apareces nesses filmes

O Bom: O teu filho está afinal uma pessoa mais madura
O Mau: Deita-se com a vizinha da frente
O Lixado: Tu também

O Bom: O teu marido percebe de moda feminina
O Mau: Usa a tua roupa
O Lixado: Fica-lhe melhor que a ti

O Bom: Dás aulas de educação sexual à tua filha
O Mau: Ela interrompe constantemente
O Lixado: Para te fazer correcções

O Bom: A tua mulher só fala
O Mau: Ela quer o divórcio
O Lixado: Ela é advogada

O Bom: O teu filho está a sair com alguém
O Mau: É outro homem
O Lixado: É o teu melhor amigo

O Bom: A tua mulher está gravida
O Mau: São gémeos
O Lixado: Fizeste uma vasectomia há 5 anos

O Bom: A tua filha arranjou emprego
O Mau: Como prostituta
O Lixado: Os teus colegas de trabalho são clientes
O Muito Lixado: Ela ganha mais que tu

Erva @ segunda-feira, junho 07, 2004

sexta-feira, junho 04, 2004

Ai a vontade que eu tenho de ir para a praia!... E não posso... mas amaanhã vingo-me!!

Erva @ sexta-feira, junho 04, 2004

Ontem à noite tive um jantar com colegas de trabalho. Jantar este que estava marcado para as 20 horas.

Depois de sair do trabalho, aproveitei o tempo que ainda faltava para as 20 e fui dar uma volta a pé pela cidade. Cheguei a casa era 19 e pouco. Estava cansada e doiam-me os pés. Fui para o quarto, liguei a televisão e deitei-me na cama a pensar "Deixa-me descansar uns 10 minutitos, depois arranjo-me e até vou a pé para o restaurante, já que fica aqui ao lado. E sempre são mais 10 minutos a caminhar e a manter a linha!"

Quando acordei (pois, adormeci!...) nem sabia onde estava. Lá reconheci o quarto e resmunguei entre dentes "Lá adormeci outra vez com a televisão ligada..." Desliguei logo a tv, e olhei para o relógio.

"8:30???? Já???? Bolas, está na hora de ir para o trabalho! Mas como é que dormi até esta hora??? Raios, faltei ao jantar ontem..."

Pois... eu, que cada dia ando mais desorientada, achava que já era hoje de manhã e não ontem à noite...

Agora imaginem o meu desespero a olhar pela janela e a não ver movimento quase nenhum, o que não é normal às 8 e meia de manhã...

Pensava eu "Há aqui qualquer coisa que não bate certo... A esta hora devia haver mais movimento... mais pessoas... mais carros na rua... mais barulho..."

Vi as horas no relógio do corredor: 8:30, fui ver as horas ao relógio da cozinha: 8:30... "Aiiii, não estou a perceber nada... onde é que se meteram todos... por que é que não há barulho?"

Já em desespero de causa vi as horas no telemóvel: 20:30!!! E aí sim percebi que não era hoje, mas ontem, e que não era de manhã, mas antes final de tarde, início de noite!!

Lavei a cara a correr, peguei na carteira, corri para o carro, e lá fui eu para o restaurante (adeus 10 minutos a pé!). Não havia estacionamento nas redondezas, deixei o carro onde é proibido estacionar, e entrei, com um ar completamente alucinado, no restaurante a pensar "Por favor não me reboquem o carro."

Obviamente fui a última a chegar, disse que tinha perdido a noção das horas, mas com aquele ar alucinado não sei se alguém acreditou!!

Só a mim...

Erva @ sexta-feira, junho 04, 2004

Esperança média de vida II

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Erva @ sexta-feira, junho 04, 2004

quinta-feira, junho 03, 2004

Distracções... ou por que é que a esperança de vida deles é inferior à delas...

Image Hosted by ImageShack.us

Image Hosted by ImageShack.us

Erva @ quinta-feira, junho 03, 2004

quarta-feira, junho 02, 2004

Já me atribuíram as funções de voluntária para o Euro... suspense... Vou trabalhar na área da Imprensa, mas ainda não me sabem dizer se na tribuna, no relvado, ou na media I ou II (continuo sem saber o que é isto do media I e II, mas tb não há-de ser nada de muito difícil!).
O mais importante é mesmo que do dia 12 ao dia 19 vou passar grande parte do tempo dentro do estádio (ainda estou para descobrir como é que vou explicar no trabalho que durante uma semana vou praticamente desaparecer... bem, mas não há nada que não se resolva!).

Agora pensando bem, se a minha funçãozita desse para ir dando uma espreitadela aos jogos é que era bem pensado!!

Erva @ quarta-feira, junho 02, 2004